Fotografando a gestação do coração

Adoção: Ensaios da Gestação do Coração

A partir deste mês, estarei com vocês quinzenalmente para falarmos sobre o book da gestação do coração. Tivemos um boom de ensaios na mídia, sendo extremamente importante pois nos mostra que a adoção está a cada dia mais em foco.

Além de ser fotógrafa, também estou habilitada, esperando meu bebê que está sendo gerado em meu coração.

Hoje vou falar como estou bolando meu próprio ensaio, e dar dicas do que não deveria faltar, na minha opinião, para que teu ensaio seja especial e bem representado.

  1. Quem deve estar presente no ensaio:

As fotos podem e devem ser feitas com os familiares mais próximos, mamãe e papai; mamãe, papai, irmãos; mamãe, papai, vovó; mamães; papais…. a escolha vai depender de como é a configuração e o dia-a-dia da sua família. No meu caso, serei eu e a futuro avó, além dos meus cachorros. Como eles são parte importante da família, quero que estejam presentes e bem representados.

  1. O que levar no ensaio:

Muitos fotógrafos possuem decoração própria, como lousa, bichos de pelúcia, palavras em madeira, tecido para colocar no chão. Mas considero também importante que a família leve coisas pessoais para o ensaio, como: roupinhas ou sapatinhos já comprados para a criança, balões em formato de coração ou vermelhos, cores e coisas do quartinho se já tiver decorado, frases impressas para colocar num quadrinho, roupas parecidas, como por exemplo calça jeans e camiseta branca. Bandeirinhas com frase especial, um varal com roupinhas de bebê, e livros que você leu durante a espera.

  1. Onde realizar o ensaio:

Pode não parecer, mas o local é tão importante quanto as outras questões acima. Primeiro porque partimos de que a fotografia representa lembranças. E estas fotos contarão a história de uma nova família, e fará parte importante da chegada de uma criança, e da história de vida dela. Você pode escolher o local como um parque próximo a sua casa, lugar em que você possivelmente levará teu filho para conhecer, como também uma praia se você for de uma cidade praiana, um local especial para você na sua cidade, ou mesmo o quartinho que você está montando. Já fiz ensaios na casa da família, em parques. Tudo depende do que a família deseja representar com a foto.  No meu ensaio farei em alguns lugares especiais na cidade onde moro, e farei também algumas fotos em casa.

  1. Qual tema usar para o ensaio:

O tema, como nos pontos anteriores, é  livre. O importante é ter relação com você, com suas crenças, desejos e história de vida. Pode ser estilo piquenique, estilo romântico, estilo cidade.

Todos nós que passamos pela espera do nosso bem tão precioso, sabemos que diferente de uma gestação biológica, a nossa não tem prazo de chegada, e às vezes a própria habilitação pode demorar muito…. Por isso no meu caso, planejar as fotos, bolar o que quero colocar, me ajuda a controlar a ansiedade. Qual a forma que você controla suas emoções?

Em breve falaremos sobre outras questões do ensaio do coração.

Até lá!

Annie Aline Baracat

Fotógrafa – Place for Pics

12507121_1640991182828392_4440282590702631186_n

Annie

Post anterior

A adoção é uma coisa incrível, por isso dou parabéns aos meus pais de verdade! - conheça a emocionante história do Adriano

Próximo post

Indicação de livro sobre adoção: Adote com carinho da Lidia Weber

Annie Baracat

Annie Baracat

Olá! Eu sou a Annie Aline Baracat, nascida na linda capital de São Paulo, mamãe do bebe Lilo, que chegou a minha vida através da adoção.

Sou apaixonada por animais, em especial minhas #12patinhas. Meus três lhasa-apsos, Zidane, Figo e Pitanga.

Sou cidadã do mundo, mãe afetiva, vaidosa e perseverante.

Sou fotografa e faço ensaios de gestante, newborn e fotos de família. Adoro fotografar as famílias formadas pela adoção, seja no book da gestação do coração, ou eternizando as fotos em família. A fotografia é muito importante na minha vida. Através dela conheço pessoas queridas, clientes que se transformam em amigos, e consegui graças ao meu Place for Pics ter uma segunda renda, já que sou mamãe solteira.

Sou voluntária no Instituto Curumim e agora também colunista do blog Gravidez Invisível.

Beijos, Annie
https://www.facebook.com/anniebaracatfotografia

Sem Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *